sábado, 19 de janeiro de 2019

Texto Motivacional | "Tá tudo bem, você foi você."

Hoje no Instagram do blogue aderi ao #10yearchallange (para poderem descobrir as diferenças basta clicar aqui) e dei por mim a fazer uma viagem no tempo mas diminui a escala; pensei nos meus últimos cinco, seis meses. 

É importante sentar-me, num momento de calma [quando a sinto] e vaguear pelos últimos acontecimentos, pelos últimos pensamentos e sensações que pude ter. Depois de tantas lágrimas em momentos que eu pensava que a única solução era chorar - muitas vezes foi mesmo a única solução - é nestes momentos que vejo como cresci. Como dei um salto para um escuro infinito... e aqui estou eu, de pé, a maioria das vezes maquilhada quando ainda não são sete da manhã, pronta para mais um dia.

É importante saber lidar com as fraquezas e diria mais, é importante assumi-las; não com uma ilusão de que um dia eu vou ter uma leveza de espirito que tudo será relativizado na minha vida. Não. Assumi-las sem preconceitos, apenas e só. E eu assumo as minhas e acredito ser mais forte por isso. Não escondo do que gosto, de quem gosto, independente do caminho que isso me leve. Não escondo do que não gosto, de quem não gosto, signifique isso o que significar.


Não existe uma matriz para se viver a vida. Não existe se quer a definição exata do que é uma fraqueza. Para alguns, fracos são os que se drogam. Para outros, fracos são os que não conseguem manter uma dieta. E ainda para outros, fracos são os que choram. E podia continuar uma lista infinita como o é infinito de uma incerteza.

Não faz mal sentirmos incertezas. Não faz mal termos fraquezas. E não faz mal continuar a viver como todas essas questões à nossa volta. Um dia de cada vez, foi o que eu aprendi nestes últimos cinco, seis meses :)

E vocês, o que aprenderam nos últimos tempos?

3 comentários: